Prefeitura Municipal de Bragança por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Promoção Social e o CREAS por meio do Serviço Especializado em Abordagem Social, realizou na tarde desta terça-feira (28 de janeiro de 2020), no auditório da SEMTRAPS uma reunião para avaliação da presença de imigrantes venezuelanos em nosso município.
Em consequência à grave situação na Venezuela devido vários fatores como a crise econômica, manifestação de cunho social, deterioração dos serviços básicos, fluxo migratório e altos índices de violência. A Equipe Especializada em Abordagem Social do CREAS, o técnico de abordagem social, o pedagogo Nil Brito e a Assistente Social Panmella Vilela por meio do Serviço da Proteção Especial, coordenaram a reunião que tem como objetivo ofertar ações de orientações, proteção e acompanhamento às Famílias dos imigrantes.
A Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Consultório na Rua, destaca os serviços de Saúde ofertados aos venezuelanos, Centro de Referência da Assistência Social (CRAS), Conselho Tutelar (I e II), Pastoral da Criança do município e o CMDCA participaram e discutiram referente aos imigrantes venezuelanos.
Os serviços socioassistenciais do município tem registro de atendimento de 20 adultos e 27 crianças, que se encontram em situação de mendicância em diversos pontos do comércio da cidade.
Uma próxima reunião para reavaliar as ações será marcada.

{gallery}2020/jan/29/semtraps/01{/gallery}

ASCOM/SEMTRAPS.
Unidos para fazer o melhor.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

 

Skip to content