A Prefeitura de Bragança, através da Secretaria de Saúde em parceria com o Ministério da Saúde, reativou o Programa de Parteiras tradicionais do município que objetiva incentivar as práticas da realização do parto de baixa complexidade por essas profissionais de acordo com as técnicas necessárias e apoio técnico da Secretaria de Saúde.

Nesse sentido, na manhã de quinta-feira (23), o vice-prefeito e secretário de saúde, Dr. Mário Júnior, equipe técnica e coordenação de Programas da saúde, reuniu com o grupo de Parteiras tradicionais da cidade, especificamente do bairro do Alto paraíso e da área rural, precisamente dos km 10,12 e 18 do Montenegro e das regiões do Treme e do Murucí para conhecê-las e propor a reativação do Programa.

Segundo Karina Gaspar, coordenadora de Programas de Saúde, o Programa tem como principal meta acompanhar as grávidas através do pré-natal vinculado a uma Unidade de Saúde para que elas possam ter um parto domiciliar satisfatório ou referenciá-las para uma unidade hospitalar.

O Programa de Parteiras tradicionais segue as diretrizes da Rede Cegonha, uma estratégia do Ministério da Saúde que visa implementar uma rede de cuidados para assegurar às mulheres o direito ao planejamento reprodutivo e a atenção humanizada à gravidez, ao parto e ao puerpério, bem como assegurar às crianças o direito ao nascimento seguro e ao crescimento e desenvolvimento saudáveis.

“As parteiras tradicionais têm todo incentivo e apoio de nossa gestão como forma de reconhecimento pela importância delas para o município.” Disse o secretário de saúde, Dr. Mário Júnior.

ASCOM – PMB

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

 

Skip to content