A Prefeitura Municipal de Bragança por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Promoção Social, Gabinete do Prefeito e da Coordenadoria Municipal da Mulher, começou na manhã desta sexta-feira (23), no auditório da Universidade Aberta do Brasil – UAB a abertura oficial da Campanha ”16 DIAS DE ATIVISMO PELO FIM DA VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER” que tem como temática central “TODOS PELA PAZ! A VIDA É FEITA DE ESCOLHAS, FAÇA A SUA DENUNCIE! ”.
Durante a abertura foi tocado o Hino Nacional Brasileiro, em seguida aconteceram os pronunciamentos dos convidados do evento, foram realizadas apresentações culturais dos usuários dos CRAS como: teatro empoderamento “Por elas e sobre elas” realizado pelos CRAS Ajuruteua, “A Dança do Boto Cor de Rosa realizado pelo CRAS Caeté, e o tema da campanha “Valorize às Mulheres” letra da pedagoga Evelen Suzane Cunha, gravado no Studio do DJ. Ângelo Ribeiro realizado pelo CRAS Marujada, serviu como a música da Campanha, em seguida a palestra ficou a cargo do Coordenador de Jovens e Adultos e Promoção de Igualdade Racial Nazareno Barbosa, com o tema “Dia Nacional da Consciência Negra”, que foi celebrado no dia 20 de novembro em todo o Brasil.
Para descontrair os participantes tiveram a dinâmica da psicóloga Mônica Socorro Castro representando a Instituição Hospital Santo Antônio Maria Zaccaria com o tema “Saúde emocional, Auto-estima e valorização da Mulher” o objetivo da campanha é formar uma sensibilização sobre a violência contra a mulher, promover o debate e a reflexão sobre a violência doméstica e familiar que é uma responsabilidade de todos.
Segundo o Atlas da Violência o Estado do Pará apresenta seguintes taxas de homicídios de mulheres por 100 mil habitantes: 2006 a 2016 é de 85,3%, 2015 a 2016 é de 12,4%, segundo o Ministério da Justiça, às mulheres negras tem duas vezes mais chances de serem assassinadas que as mulheres brancas.
O evento recebeu a presença do Secretário de Gabinete do Prefeito Marco Antônio de Oliveira representando o Prefeito Municipal Raimundo de Oliveira, Coordenadora do CREAS Mayara Vasconcelos, Coordenadora do CRAS Sapucaia Ariane Ribeiro, Coordenadora Municipal da Mulher Ruth Cristina Torres, Vereadora Irene dos Santos Farias, Delegada do PROPAZ/PA Luciana França Túnis, representantes das Secretarias Municipais, Sociedade Civil Organizada, Movimentos Sociais e Servidores Municipais.
“Precisamos fazer com que toda a sociedade, homens e mulheres, parem para refletir, basta de violência, gostaria de agradecer o apoio deste evento a Secretária de Promoção Social Eliena Ramalho, o meu muito obrigado. ” Concluiu a Coordenadora Municipal da Mulher Ruth Cristina Torres.
A programação ofertou os serviços de cidadania de identidade e serviços de saúde e contou com a participação do Grupo de Mulheres Prendadas do CRAS Caeté, que mostraram seus trabalhos manuais em exposição no evento.

{gallery}conteudo/artigo/semtraps/novembro/23.11.2018/01{/gallery}

ASCOM SEMTRAPS.
Unidos para fazer o Melhor.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

 

Skip to content