Prefeitura Municipal de Bragança por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Promoção Social e o CREAS com o Serviço de Abordagem Social, realizou na manhã e tarde desta terça feira (11 de fevereiro de 2020), uma ação junto aos indígenas venezuelanos imigrantes em nosso município.
Os Serviços de Abordagem Social, por meio da Equipe Técnica composta pela Assistente Social Natalina Kato e o Pedagogo Nill Brito, identificaram à presença de crianças, adolescentes e idosos que receberam orientações e avaliação para a inserção ao serviço público do município, mediante a escuta do grupo de imigrantes.
A ação consistia na orientação dos direitos da imigração, como na oferta de serviços da Rede Socioassistencial e de Saúde que o município oferece.
A Secretaria Municipal de Saúde, através do Programa Consultório na Rua, com os serviços ofertados imediatos fora no atendimento da verificação da pressão arterial, carteiras de vacinas, atendimento de enfermagem e entrega de medicamentos.
Esse êxodo imigratório de Venezuelanos que estão nas grandes cidades do Estado para o interior é observado pela lotação dos serviços de abrigamento e acolhimento, sendo que diariamente na travessia da fronteira da Venezuela com o Brasil o fluxo é grande e muitos entram no território de forma legal e outros ilegalmente, chegando aos pequenos municípios do Estado Pará como o caso de Bragança.
Na Capital do Estado, a situação dos imigrantes venezuelanos, é delicada, pois os abrigos mantidos pelo Governo do Estado do Pará, estão sendo fechados por várias denúncias e condições degradantes, ocorridas no período de janeiro deste ano.

{gallery}2020/fev/12/01{/gallery}

ASCOM/SEMTRAPS.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

 

Skip to content