Prefeitura Municipal de Bragança por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Promoção, realizou na manhã desta segunda feira 1 de julho, no auditório da Secretaria, que envolveu representantes de poderes, esferas do governo e da Sociedade Civil Organizada que compuseram a Comissão Intersetorial, responsável pela elaboração das propostas do Plano Decenal.

Todos comprometidos com o desafio de verificar a situação atual do Plano Nacional de Enfrentamento da Violência Sexual de Crianças e Adolescentes, a estruturação desse plano é resultado de um trabalho complexo e minucioso que representa o compromisso do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, integrado com os demais programas do governo e suas diretrizes, que lentamente se transformarão em ações concretas e articuladas com a comissão que assume o compromisso pela execução do plano.
Conforme explicado o Plano Decenal, objetiva a implantação de Políticas Públicas, por dez anos, aconteceu em forma de oficina, divididos em cinco eixos, cinco grupos, que discutiram em separados, propostas baseadas no conceito:
Eixo 1- Promoção dos Direitos de Crianças e Adolescentes.
Eixo 2- Proteção e Defesa dos Direitos.
Eixo 3- Protagonismo e Participação de Crianças e Adolescentes.
Eixo 4- Controle Social da Efetivação dos Direitos.
Eixo 5- Gestão da Política Nacional dos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes.
Uma próxima reunião foi marcada para o dia 10 de julho para as próximas discursões do Plano Decenal no Município.
Participaram da reunião, Prefeito Municipal Raimundo Nonato de Oliveira, Secretária de Trabalho e Promoção Social Eliena Ramalho, Secretário de Gabinete do Prefeito Marco Antônio de Oliveira, Secretário de Administração Alcides Rufino de Oliveira Neto, Coordenadora do Plano Decenal Karina Pamplona, Coordenador do AEPETI Hugo Costa, representantes do CMDCA, Coordenadora da Proteção Social Básica Erika Jeane Fonseca, CREAS Mayara Vasconcelos, CRAS Caeté Francisco Dyanês, CRAS Sapucaia Ariane Silva Ribeiro, CRAS Ajuruteua Marielly Casseb, CRAS Marujada Ivaldiza Sousa, Abrigo Municipal Karla Tatiana de Oliveira, representante da Secretaria de Educação Nazareno Barbosa, representante da Secretaria de Saúde Thiago Vieira, Representante da Guarda Civil Municipal e Projeto Guarda Jovem Andréia da Silva Ribeiro e Marcelo Sodré, conselho Tutelar II, Diocese de Bragança, Hospital Santo Antônio Maria Zaccarias, Tiro de Guerra (08/002), Paroquia Nossa Senhora do Rosário, Associação das Donas de Casa, UFPA, Caritas Diocesana, Unidade Regional de Educação (1° URE) e Centro Educacional João Paulo II.

{gallery}2019/conteudo/artigo/semtraps/07/01/01{/gallery}

ASCOM SEMTRAPS.
Unidos para fazer o melhor.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

 

Skip to content