Prefeito Raimundo Nonato recebeu, nesta manhã o Secretário de Estado de Obras Públicas, Rui Cabral, e a Secretária de Estado de Cultura, Úrsula Vidal, que vieram a Bragança, recomendados pelo governador Helder Barbalho, para tratar sobre a reconstrução da imagem de São Benedito, que ruiu na tarde de segunda-feira, 27, no alto do mirante, localizado na comunidade do Camutá.

O encontro foi no próprio Mirante de São Benedito, onde o prefeito e a primeira-dama, Eliena Ramalho, o vice-prefeito Mário Ribeiro Junior, vereadores e secretários municipais deram boas-vindas aos secretários estaduais Rui Cabral, secretário de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas e Úrsula Vidal, secretária de Cultura, junto a ex-deputada Simone Morgado. O prefeito Raimundo foi enfático ao dizer que, independente de siglas partidárias, a prioridade é a revitalização do espaço que já estava sendo feita e a reconstrução da imagem, que é um símbolo do município. “Não vamos discutir se foi bem feito ou mal feito, se o material era bom ou ruim. Temos que tocar em frente para ter nosso São Benedito de volta o quanto antes. Agradeço imensamente à sensibilidade do senador Jader Barbalho e do governador Helder Barbalho que, assim que souberam do ocorrido, se colocaram à disposição para ajudar no que fosse possível”, disse o prefeito.
Úrsula Vidal propôs que a escolha da nova imagem seja feita de forma democrática, através de votação feita pelo povo, por meio de votos em urnas e em redes sociais. “A intenção é propor aos artistas que façam um protótipo de uma imagem criada por cada um, para ser inscrita em edital e votada pela população. A mais votada será executada”, sugeriu a secretária de Estado de Cultura.
A construção da nova imagem se São Benedito que ficará o alto do mirante será construída pela Secretaria de Estado de Obras Públicas (SEDOP), com previsão de ser executada durante o segundo semestre para ser entregue à população até a abertura da Festividade de São Benedito deste ano, dia 18 de dezembro. “A orientação que tivemos do governador é de dar atenção total para essa obra, visando um resultado mais urgente e satisfatório possível”, concluiu o secretário de Estado de Obras Públicas, Rui Miranda.

{gallery}2019/conteudo/artigo/semtraps/05/28/02{/gallery}

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

 

Skip to content