Prefeitura Municipal de Bragança por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Promoção Social através do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e o Projeto Social do Judô, desenvolvidas pelo Programa do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), que envolve os quatros CRAS no município, Marujada, Caeté, Ajuruteua e Sapucaia, que estão todos dentro do determinado critérios e conforme a idade dos usuários do Projeto Social do Judô.
O Programa é uma forma de mediação social planejada que estimula e orienta os participantes ao fortalecimento das relações familiares e comunitárias, bem como busca promover a integração, interação e a troca de experiências entre os participantes.
O Projeto Social do Judô deu-se início este ano, precisamente no mês de abril, com os trabalhos com a prática de Judô, por meio da parceria da Academia de Judô Mascote, localizada na rua João Alfredo (Centro), onde 40 crianças receberam o seu quimono entregue pela Primeira Dama e Gestora da Secretaria Municipal de Trabalho e Promoção Social Eliena Ramalho e sua Equipe Técnica.
Os professores da Academia o Sensei Jhon Andrade e o Judoca Paulo Jorge Neves, ministram às aulas nos dias de segunda e quartas-feiras no horário das 8h às 11h.
Uma gestão Municipal compromissada com a Inclusão Social por meio do Prefeito Municipal Raimundo Nonato de Oliveira e o Vice-Prefeito Dr. Mário Ribeiro Júnior.

{gallery}2019/conteudo/artigo/semtraps/11/18/01{/gallery}

ASCOM/SEMTRAPS.
Unidos para fazer o Melhor.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

 

Skip to content