Ir direto para menu de acessibilidade.
  • Corpo de Bombeiros - 193
  • Conselho Tutelar-3425-2099
  • Disque Denúncia - 181
  • Polícia Militar - 190
  • Samu - 192
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

VISITADORES DO CRIANÇA FELIZ RECEBEM BICICLETAS PARA AS VISITAS DOMICILIARES EM BRAGANÇA.

  • Publicado: Terça, 04 de Agosto de 2020, 15h49
  • Última atualização em Terça, 04 de Agosto de 2020, 15h49
  • Acessos: 108

Prefeitura Municipal de Bragança por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Promoção Social (SEMTRAPS) e da Secretaria Especial de Desenvolvimento social do Programa Criança feliz, realizou na manhã desta terça-feira (4 de agosto de 2020) a entrega de bicicletas para os Visitadores Domiciliares do município que atuam no Criança Feliz, com recursos do próprio Programa (PCF), através do Governo Federal, que é de responsabilidade da SEMTRAPS, tendo em vista a melhoria dos trabalhos no desenvolvimento em tempo de pandemia do novo coronavírus realizado pelos visitadores nos bairros do município.
A entrega aconteceu no auditório da SEMTRAPS, com a presença da Secretária da SEMTRAPS Eliena Ramalho, visitadores e os supervisores do Programa no Município Waldinei Maciel e Marleth Brito de Oliveira.
Em Bragança são beneficiados 400 usuários, dentre esses, 350 crianças com a faixa etária de 0 a 3 anos de idade, 45 grávidas e 5 beneficiários do BPC (Benefício de Prestação Continuada) na faixa etária de 3 a 6 anos. Para tanto, conta-se com visitadores responsáveis pelo atendimento de 25 famílias cada um deles, o Projeto trabalha a criação de vínculos de pais responsáveis e filhos com o uso de criatividade, afetividade e brincadeira.
O Programa Criança Feliz foi consolidado em novembro de 2018, concretizando o marco legal da primeira infância.
“A Secretaria de Promoção Social tem investido não só na população, mas em todos os Programas Sociais de nosso município, por meio de capacitação e ferramentas de trabalho, hoje entregando as bicicletas aos nossos visitadores, isso faz com que possamos atender nossos beneficiários com mais qualidade e realizar o atendimento nas casas, onde muitas vezes o carro não consegue chegar”, explicou Eliena Ramalho, Secretaria da Assistência Social.

 

ASCOM/SEMTRAPS.

registrado em:
Fim do conteúdo da página