Ir direto para menu de acessibilidade.
  • Corpo de Bombeiros - 193
  • Conselho Tutelar-3425-2099
  • Disque Denúncia - 181
  • Polícia Militar - 190
  • Samu - 192
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

TÉCNICOS DO PAA FAZEM VISITAS TÉCNICAS AOS AGRICULTORES FAMILIARES DO KM 12 E 14 DA COMUNIDADE DO MONTENEGRO (PA 112).

  • Publicado: Sábado, 01 de Fevereiro de 2020, 15h20
  • Última atualização em Sábado, 01 de Fevereiro de 2020, 15h22
  • Acessos: 108

Prefeitura Municipal de Bragança por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Promoção Social e da Coordenação de Segurança Alimentar e Nutricional, realizaram na manhã e tarde desta sexta-feira (31 de janeiro de 2020) de mais uma etapa de visitação técnica aos agricultores familiares desta vez à comunidade do Km 12 e 14 do Montenegro (PA 112).
Na oportunidade, foram recebidos pela agricultora familiar do km 14, Raimunda Andrelina Campelo (47 anos) debateram com os agricultores familiares, cadastrados no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) no município, visitaram a propriedade, ouviram dos técnicos a orientação para uma melhor produção e dos agricultores a solicitação de apoio na agricultura familiar da comunidade.
Em outro momento visitaram a casa de farinha padronizada e o tanque de piscicultura, do agricultor Raimundo Lourival de Brito (60 anos), cadastrado no PAA do Km 12, da Comunidade do Cipoapará visando a qualidade do produto.
Uma das metas da atual Gestão do Prefeito Municipal Raimundo Nonato de Oliveira e da Secretária Municipal de Trabalho e Promoção Social Eliena Ramalho, onde o Programa está inserido, é ajudar no desenvolvimento da agricultura familiar no município.
As caravanas do PAA, com os agricultores familiares de outras Comunidades (Chaú, Jararaca, Engenho, Campinho, Abacateiro, Benjamin Constant, Pindoval, Urupiúna, Atoleiro, Inhambucui, Km 6 e km 8 do Montenegro), estiveram presentes por meio de transporte de barco, carro e moto, onde participaram das visitas na Comunidade do Montenegro.
Os técnicos do Programa no município a nutricionista Macassia Matos e o engenheiro florestal Jorge Ramos, orientaram os agricultores presentes, além de estimular a geração de renda, a produção orgânica dos alimentos e proporcionar para que populações em situação de insegurança alimentar e nutricional tenham acesso a uma alimentação sadia.

ASCOM/SEMTRAPS.
Unidos para fazer o melhor.

registrado em:
Fim do conteúdo da página