Identificação e demarcação de portos utilizados por pescadores artesanais de Ajuruteua.

Prefeitura de Bragança identifica e demarca portos utilizados por pescadores artesanais de Ajuruteua, que há mais de 30 anos são utilizados como suporte para a pesca.

A ação foi realizada pela Secretaria Municipal de Aquicultura e Pesca (SEMAP), contando com o apoio das secretarias municipais de Planejamento, Infraestrutura e Meio Ambiente.
Os técnicos da SEMAP demarcaram e identificaram oficialmente os portos do Guará, do Maguari e Taquiri, suportes utilizados há pelo menos 30 anos pelos pescadores de Ajuruteua, que atuam no litoral bragantino. A formalização atendeu a um pedido dos pescadores que almejavam pela oficialização dos portos, há mais de três décadas. “Nossas secretarias trabalham unidas para atender às necessidades da nossa população, sejam profissionais dos mais diversos segmentos. Esses pescadores, que levam o peixe, um alimento saudável, para nossas mesas, merecem toda atenção e foi isso que eles tiveram. Os portos foram demarcados e identificados, como eles queriam há muito tempo”, disse o prefeito Raimundo Nonato.

Ascom

 

Skip to content