Prefeitura Municipal de Bragança por meio da Secretaria Municipal de Trabalho e Promoção Social, realizou na tarde desta segunda feira (13), no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Ajuruteua (Vila Sinhá), com os profissionais que compõem o quadro, a primeira reunião com o Grupo de Mulheres que fazem acontecer neste ano 2019.
O objetivo de fortalecer a função protetiva da família, contribuindo na melhoria de vida, prevenindo a ruptura dos vínculos familiares e comunitários e possibilitando a suspensão de situações de fragilidade social.
A programação contou com a participação da Coordenadoria Municipal da Mulher através de sua titular Ruth Cristina Torres, que palestrou sobre o Empoderamento Feminino, para as usuária do Centro, no que diz respeito ao enfrentamento da violência, meios de denúncias e o papel da sociedade diante dessas situações, na oportunidade falou sobre Grupo Mão Habilidosas que proporciona a geração de emprego e renda e ensina a produzir e comercializar peças artesanais e outros artigos que na qual poderão estar inseridas futuramente no Grupo, que estar de portas abertas.
Segundo a coordenadora do Centro Marielly Casseb, o grupo, funcionará na segunda semana de cada mês, duas vezes na semana, segunda feira e sexta feira com a orientadora social Suleir Pinheiro, contou ainda com a apresentação das equipes que fazem parte do Centro de Referência de Assistência social do CRAS Ajuruteua, assistente social e orientadoras sociais.

{gallery}2019/conteudo/artigo/semtraps/05/14/01{/gallery}

ASCOM SEMTRAPS.
Unidos para fazer o melhor.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

 

Skip to content